Difficulté technique   Modéré

Durée  8 hours 17 minutes

Coordonnées 1555

Uploaded 28 août 2013

Recorded août 2013

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1 246 m
934 m
0
11
21
42,08 km

Vu 9062 fois, téléchargé 235 fois

près de Glaura, Minas Gerais (Brazil)

Trajeto circular, no sentido horário, de 42km, partindo do Distrito de Glaura, em Ouro Preto - MG, passando pela Floresta Estadual do Uaimií, por duas cachoeiras, pelo Distrito de São Bartolomeu, que também pertence a Ouro Preto, por trechos da Estrada Real e pelas bordas do Rio das Velhas. O percurso é formado por 90% de estradas de terra pouco movimentadas e 10% de single tracks e ruas de paralelepípedo.
O Google Maps não apresenta o ponto de partida com precisão. Assim, para chegar até ele, saia de Belo Horizonte em direção a Ouro Preto, acessando a BR-040 e, em seguida, a BR-356. Depois de passar pela cidade de Itabirito, siga pela BR-356 até Cachoeira do Campo, Distrito de Ouro Preto. A rodovia atravessa esse distrito e, no caminho, no centro, há placas apontando o trajeto para Glaura. Do centro de Belo Horizonte até o Distrito de Glaura são percorridos cerca de 85km, sendo que toda a estrada está asfaltada. De qualquer modo, o Google Maps poderá auxiliar na rota até Cachoeira do Campo. Para tanto, clique neste link.
Destaca-se que antes de Cachoeira do Campo existem placas indicando o trajeto para Glaura. No entanto, essa rota é pior do que a que passa por aquele distrito. Assim, tome cuidado para não errar o percurso.
O ponto de partida fica no centro de Glaura, ao lado da Igreja Matriz de Santo Antônio, onde é possível estacionar o carro com segurança, próximo a um bar e ao Polo Cultural da comunidade, que disponibiliza banheiros, inclusive para banho.
A trilha do Jacu Encantado atravessa a Floresta Estadual do Uaimií (o termo designava o Rio das Velhas para os indígenas), unidade de conservação mantida pelo IEF, em que a entrada é permitida, cuja vegetação é típica da Mata Atlântica e do Cerrado, onde vivem diversas espécies de animais, dentre as quais canários, gambás, tatus, macacos-prego, lobos-guará, lontras, veados manteiro, cutias, pacas, onças pardas, etc.. A vegetação no local está muito bem preservada. Como indicam os waypoints, a floresta possui duas portarias: Brás Gomes e São Bartolomeu/Tapera, sendo que ambas disponibilizam banheiros e bebedouros.
No caminho encontram-se a Cachoeira Brás Gomes, rente à portaria que leva o mesmo nome, e a Cachoeira São Bartolomeu, próxima à outra portaria. As duas são muito bonitas, sendo que esta deve ter mais de 35m de altura.
Dentro da floresta também merece destaque um riacho muito belo, por onde passa uma ponte, formado por águas cristalinas em meio às rochas e às árvores, como indica o waypoint. Há alguns caminhos no local que permitem adentrar a mata ao redor dessas águas e que revelam muita beleza.
Depois de passar pelo Distrito de São Bartolomeu, no retorno para Glaura, a trilha segue, em parte, próxima à borda do transparente Rio das Velhas e por um trecho da Estrada Real, como demonstram os marcos ali instalados.
Do ponto de vista da técnica, a trilha possui dificuldade moderada, com cascalho, areia, camadas de poeira de até 5cm, folhas e poucas valas criadas por erosões. A maior dificuldade decorre da má-aderência dos pneus ao terreno, condição que deve ser acentuada no período das chuvas, considerando, principalmente, a retenção da umidade pela copa das árvores sobre as estradas e a formação de uma fina camada de lama/lodo sobre elas.
Também é preciso tomar cuidado com alguns mata-burros, posicionados nas descidas, cujos vãos encontram-se alinhados com os pneus. Outro perigo, existente na estrada que corta a Floresta Estadual do Uaimií, entre as Portarias Brás Gomes e São Bartolomeu/Tapera, são as valas para desvio da enxurrada na estrada, cobertas por troncos de árvores mal posicionados e estreitos, também alinhados com os pneus. Para piorar, essas valas, que somam umas dez, encontram-se nos trechos de maior velocidade do percurso, exigindo atenção redobrada (confira as fotos).
Quanto ao condicionamento físico, considero o trecho bastante cansativo, tendo em vista o ganho de elevação de 1456m, conforme o item “altura acumulada subida” na coluna à direita, e a extensão de 42km. Os morros, de inclinação moderada a forte, são bem exigentes nas subidas, mas também intensamente prazerosos nas decidas. De qualquer maneira, a trilha requer um ótimo preparo físico.
No que se refere ao sinal de celular, o da Oi não está disponível, sequer nos Distritos de Glaura e São Bartolomeu, e, quanto às demais operadoras, não sei informar.
Enfim, a "Jacu Encantado" tem dificuldade moderada, com subidas e descidas com inclinações razoáveis e fortes, onde a principal dificuldade decorre da má-aderência dos pneus ao solo. A trilha apresenta a beleza das cachoeiras que se encontram no caminho, da vegetação nas proximidades da Floresta do Uaimií e de parte da Estrada Real.
Confira as fotos com mais descrições!
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
RESUMO DAS INFORMAÇÕES SOBRE O PERCURSO
Distância total: 42km
Dificuldade técnica: 5/10
Dificuldade física: 7/10
Inclinação das subidas e descidas: moderada e forte
Presença de sombra em aproximadamente 40% do trajeto
Presença de cachoeira(s): sim
Beleza natural: 7/10
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ATENÇÃO: esta trilha foi feita em agosto de 2013. Como as condições do percurso são continuamente alteradas, inclusive pelos períodos das chuvas e das secas, considere as descrições acima como indicativas das dificuldades existentes. Preserve a natureza, utilize equipamentos de segurança e, antes de iniciar uma trilha, observe as precauções divulgadas neste link.
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
PREVISÃO DO TEMPO PARA A REGIÃO ONDE SE ENCONTRA A TRILHA:

View more external

23 commentaires

  • Photo de EduardoBetim

    EduardoBetim 30 août 2013

    Muito legal, Eugênio!
    Seus relatos são completos e muito nos ajudam! Obrigado!

    Um grande abraço!
    Eduardo Betim

    PS.: Sobre aquela ideia de adentrar nas reservas da Copasa (Rio Manso e Serra Azul), tentei, mas realmente é proibido e inviável, veja:
    http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=5129505

  • Robsonl 30 août 2013

    Obrigado Eugênio pela excelente descrição do percurso!!!

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 30 août 2013

    Eduardo e Robson, valeu pelo apoio!
    Eduardo, pelas fotos, a Represa Serra Azul deve ter dado uma boa trilha. Uma pena a COPASA proibir a entrada nesses locais. Considero muito radical privar a população do contato com a natureza. A abertura organizada dessas reservas para visitação contribuiria, inclusive, para a sua preservação. Mas, claro, é preciso respeitar essas proibições.
    Abraço, pessoal!

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 30 août 2013

    Sobre a Represa do Rio Manso, em Brumadinho e Rio Manso, um exemplo sobre a radicalidade da proibição da entrada nas reservas pode ser lido em uma matéria no seguinte link:
    http://www.aguasdoparaopeba.org.br/conteudo.php?id=142

  • Photo de EduardoBetim

    EduardoBetim 30 août 2013

    Oi Eugênio!
    Pois é, interessante essa matéria. E como ela é de 2010, acho que a população não conseguiu avançar no assunto. Continuam extremamente radicais. Poderiam liberar algumas atividades, como o turismo sustentável (que mal há em uma bike?)...

    Mas toda ação é por causa de alguma reação. Não deve ser fácil equilibrar a preservação e a degradação causada pelo homem...

    Abraço!
    Eduardo

  • Photo de Zé Eduardo

    Zé Eduardo 29 avr. 2014

    Percurso fantástico, passeio maravilhoso com um cenário preservado e de belezas naturais que só Minas gerais tem.
    Faço apenas um aparte com relação a dificuldade técnica de moderada para difícil em função da distância, altimetria e tipo de terreno que facilita quedas nas descidas.
    Agradeço a você, Eugênio, pelas orientações e fotos do percurso que foram muito bem descritas e disponibilizadas.

    Has followed this trail View more

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 29 avr. 2014

    Obrigado, Zé Eduardo!
    A região da Floresta Estadual do Uaimií e de Ouro Preto, em geral, é realmente fantástica. Vale muito a pena explorar o local.
    Abraço!

  • Photo de conteudoanimal

    conteudoanimal 13 nov. 2014

    OMG
    Descrição show do pedal
    Fiquei com vontade de fazer

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 13 nov. 2014

    Obrigado, "conteudoanimal"!
    Boas pedaladas pra você!

  • Mike Aquino 18 mai 2015

    A trilha é basicamente um estradão, nada técnico. Mas tem muita subida, muita mesmo.
    Indico como difícil pois você sobe e desce para um vale, assim se a pessoa se cansar ou tiver qqr problema no meio do caminho terá que subir para qualquer lado.

    Has followed this trail View more

  • Photo de padremib

    padremib 26 mai 2015

    Excelente percurso!
    Esse trecho é por estradão, mas não é aquele estradão monótono.
    Em torno dos 6 km iniciais, já se tem tem uma subida de uns 5km, para testar a resistência do biker.
    Ao longo do trajeto, tem-se pelo menos duas cachoeiras maravilhosas.
    O GPS/planilha é indispensável para fazê-la, pois ao longo dela há várias outras estradinhas que levam à propriedades particulares, ou para outras cidades.
    É preciso fazer as descidas com muita cautela, pois há valas e o terreno é traiçoeiro.
    Os Aventureiros_MTB, as Luluzinhas no Pedal e eu fizemos esse trajeto.
    Vale a pena testar sua resistência afinal #NQSF.

    Has followed this trail View more

  • Photo de vinicius bmx

    vinicius bmx 1 juil. 2015

    Opa, to querendo fazer essa trilha sábado 4/7/15. Será que corro o risco de ter algum local com difícil passagem devido a vegetação muito densa como outro usuário relatou na trilha tapera?

  • Photo de Zé Eduardo

    Zé Eduardo 1 juil. 2015

    Vinicius pode ir tranquilo, alguns trechos podem estar mais complicados mas nunca de difícil acesso ou passagem.

    Bom pedal...

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 1 juil. 2015

    Vinícius, não há risco algum de encontrar locais de difícil passagem nesta trilha, pois 90% dela é feita em estrada de terra. Embora passe pela mesma região, a Tapera é uma trilha bastante diferente da Jacu Encantado. Afora as ressalvas feitas no texto, você não encontrará problemas.
    Não se esqueça de que nesta época fica bastante frio em Glaura. Amanhã, por exemplo, é prevista temperatura mínima de 11ºC e máxima de 23ºC na região. Embora a trilha passe por estradas de terra, elas estão envolvidas pela mata, o que, em conjunto com a altitude e os ventos no local, deixa a sensação térmica mais baixa.
    Abraço!

  • Photo de vinicius bmx

    vinicius bmx 2 juil. 2015

    Zé Eduardo e Eugênio, muitíssimo obrigado. Os comentários foram determinantes para escolha deste pedal. Vou lá neste sábado. Valeu!

  • Photo de DJ Pulga

    DJ Pulga 29 déc. 2015

    Eugênio, parabéns, cara, suas informações são realmente bem detalhadas. Já pedalo há um ano, e sempre me guio pelo wikiloc, mas por causa de você, fiz um perfil para também. Fiquei muito motivado a fazer esta trilha. O que está me impedindo por enquanto, é a dificuldade de chegar de carro até o local, rsss. Mas vou fazê-la com certeza. Agora uma dúvida. Vi que esta trilha foi feita num intervalo de 8 horas. Você fez ela em que ritmo? Teve paradas ou realmente tem uma dificuldade maior nas subidas?

    Abraços...

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 29 déc. 2015

    Olá, Pulga! Obrigado pelo apoio!
    De fato, esta trilha é cansativa e tem uns aclives desgastantes. Dentre os percursos que já publiquei, este é um dos que tem maior ganho de elevação.
    Mas não leve o tempo em que fiz o trajeto como parâmetro, pois, além de eu ter parado algumas vezes para tirar fotos e tomar um banho de cachoeira, meu condicionamento físico estava muito ruim (acho que ainda está).
    Se você pratica esportes regularmente, é provável que termine a trilha em tempo inferior ao que eu fiz.
    Mais uma coisa: se estiver chovendo, cuidado com o terreno escorregadio nas descidas!
    Abraço e boas pedaladas!

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 29 déc. 2015

    Pulga,
    Acabei de dar uma olhada em uma trilha que você fez de Nova Lima até a Cachoeira do Viana, publicada no seu perfil. Tendo o tempo que você fez nesta trilha como parâmetro, acredito que você concluirá a Jacu Encantando em quatro horas e meia ou menos, isto se você não parar pra tomar uns banhos de cachoeira.
    Bom proveito!

  • Photo de padremib

    padremib 29 déc. 2015

    DJ Pulga, os Aventureiros_MTB e eu já fizemos esse trajeto seguindo o mapa do Eugênio.
    Nós devemos refazê-la novamente no dia 09 ou 16 de Janeiro, só que agora invertida, para pegar o sol na cachoeira do parque.
    Se animar entra em contato no pelo meu whatsapp (+5531 986147915).
    Geralmente a gente sai com os carros lá do bairro Boa Vista, em frente a MW Superbike.
    Devemos decidir isso na semana que vem, após o feriado.

  • Photo de DJ Pulga

    DJ Pulga 29 déc. 2015

    Obrigado Eugênio, pelas informações.

    padremib, agradeço demais, pelo convite. Adoraria de verdade, mas como trabalho com eventos, costumo pedalar aos domingos, porém no sábado dia 23, não tenho evento fechado, por enquanto. Caso tenha alguma alteração para esta data, ou algum domingo, você me dá um toque por favor..

    Meu zap é (55 31 99165-0842)

    Abraços..

  • Photo de padremib

    padremib 29 déc. 2015

    Te adicionei aqui, DJ Pulga!
    Depois te chamo.
    Tem um DJ que pedala conosco também, o DJ Krsna, vulgo Gerson.

  • Photo de viagem.bruno

    viagem.bruno 4 sept. 2016

    Oi Eugênio!
    Muito obrigado por compartilhar. Suas descrições são excelentes e nos dão muita segurança. Fiz essa trilha ontem com minha esposa e foi Fantástico! Lugar realmente maravilhoso.
    Valeu!!!

  • Photo de Eugênio Ribeiro

    Eugênio Ribeiro 5 sept. 2016

    Obrigado pelo apoio, Bruno!
    Boas pedaladas pra você!

You can or this trail